//Conferência do G20 Discute Criptomoedas

Conferência do G20 Discute Criptomoedas

A conferência do G20, que está acontecendo em Buenos Aires na Argentina, teve uma decisão que será interessante para o mundo das criptomoedas. Os políticos participantes assinaram um documento que indica sua intenção de começar a trabalhar em uma solução para a questão de impostos sobre criptomoedas, e que eles colaborarão para esse fim.


Coletor de impostos


A declaração dos líderes menciona a construção de um sistema internacional que taxará pagamentos internacionais. Isso é importante porque não é legal um governo taxar uma empresa estrangeira que não tem presença física no território desse governo, mas há evidências de que essa regra está sendo usada para evitar impostos, uma tática possibilitada pela criptomoeda, segundo a jiji.com, uma fonte de notícias japonesa.

O acordo também menciona a lavagem de dinheiro usada em criptomoedas, como uma área de interesse para os políticos.


A declaração declara que todos os países do G20 devem trabalhar em algumas propostas, e discuti-las mais quando se encontrarem no próximo ano no Japão. Alegadamente, eles pretendem ter uma versão final até o ano de 2020.

Vários países – a França e o Japão, por exemplo – vêm pedindo essa discussão há algum tempo.


Em outubro, o conselho consultivo do G20 informou que a criptomoeda é uma ameaça crescente à estabilidade econômica mundial. O Conselho de Estabilidade Financeira, como é chamado, considera que a institucionalização da criptomoeda é um desenvolvimento negativo, porque poderia corroer a confiança e a autoridade das instituições financeiras.

O G20 (Grupo dos 20) é um grupo constituído por ministros da economia e presidentes de bancos centrais dos 19 países de economias mais desenvolvidas do mundo, mais a União Europeia. Criado em 1999, na esteira de várias crises econômicas da década de 1990, o G20 é uma espécie de fórum de cooperação e consulta sobre assuntos financeiros internacionais. O atual presidente da organização é Mauricio Macri, presidente da Argentina. No próximo ano, a posição será tomada por Shinzō Abe do Japão.

Essas conferências são frequentemente recebidas com protestos; No ano passado, em Hamburgo, os manifestantes bloquearam as estradas e colocaram fogo em carros. A Argentina designou 22 mil policiais e 700 seguranças para proteger a conferência, e isolou um raio de 12 quilômetros em torno do local.

Na conferência deste ano, os líderes estão discutindo principalmente alimentos sustentáveis, a guerra comercial em desenvolvimento entre a China e os EUA, e a regulamentação de criptomoedas.




Conferência do G20 Discute Criptomoedas
5 (100%) 5Votes
2018-12-02T23:29:32+00:00 |Moedas Digitais|
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.